Intensificado combate ao Aedes em Recreio

A Vigilância Epidemiológica intensificou o combate ao Aedes aegypti em Recreio depois do resultado do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti “LIRAa” que apontou a área urbana em estado de alerta para infestação do mosquito.

Serviço com UBV Costal na Cohab.

O resultado do primeiro diagnóstico de 2018, entre os dias 8 e 10 de janeiro, apresentou a cidade com 3,6% de imóveis com incidência das larvas do vetor de diversas doenças, entre elas a febre amarela em área urbana. O Ministério da Saúde classifica este índice como estado de alerta. O nível satisfatório seria abaixo de 1%. O último LIRAa, realizado em outubro, foi de 1,4%.

Durante esta semana os agentes de epidemiologia realizaram visitas de rotina e encontraram várias caixas d’água sem tampa no bairro Grotinha e na Rua da Conceição. Nestes locais houve tratamento focal. Na Cohab Dr. Irajá José Fernandes – bairro José Taranto Luz – houve retirada de materiais propícios a criadouros das larvas e aplicação de inseticida com UBV Costal.

Somente em 2018 a Vigilância Epidemiológica registrou 10 notificações suspeitas de dengue.

Agente identificando caixa d’água sem tampa.
Eliminação de possível criadouro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *